8 Sacadas Para Comprar Passagens Aéreas Baratas e Não Gastar Dinheiro Atoa

Tempo de leitura: 12 minutos

Olá, pessoal!

Já parou para pensar que um dos grandes gastos em viagens, não só para a Califórnia, mas para qualquer destino são as passagens aéreas? Se não tivéssemos passagens tão caras, certamente você viajaria mais, melhor e até teria mais planos para de conhecer lugares diferentes, estou errada? Porém, posso dizer com a fala de quem já passou por esse problema e que depois de muitas pesquisas, conversas com especialistas no assunto como o Rafel Incao do Fórmula de Passagens, e de “quebrar a cara” algumas vezes também (rsrs), aprendeu que isso pode ser diferente, que sim: você sim viajar mais vezes durante o ano, viajar melhor e conhecer muito mais lugares diferentes a cada viagem com a mesma passagem de avião que você compra atualmente, quando se aprende a lidar e comprar passagens aéreas baratas e neste post vou te dar dicas sobre essa fórmula de passagens aéreas. Então leia até o final, pois a melhor dica está lá para fim do texto, ok?

Já reparou que sempre há pessoas no Facebook postando fotos e mais fotos de viagens o ano todo e você não entende como aquelas pessoas conseguem viajar tanto? Parece mágica, não é verdade? Mas não é nada disso, o fato é que essas pessoas já entenderam quando e como comprar passagens aéreas baratas e vou além, existem formas e técnicas para que você aproveite ao máximo cada viagem, por meio de passagens aéreas compradas com estratégias e que te permitem conhecer não um país diferente, mas 2 ou até 3 da Europa; ou não apenas a Califórnia, mas Miami e Texas, nos EUA na mesma viagem e com a mesma passagem aérea! Não é fantástico? Não viabilizaria suas viagens e sonhos?

COMO COMPRAR PASSAGENS AÉREAS BARATAS

  1. ESCOLHA A VERBA E NÃO O DESTINO

Uma dica muito bacana para quem quer começar a viajar mais e melhor é não se apegar tanto ao destino dos sonhos, mas aos destinos que cabem no seu orçamento. Não é porque a viagem para a Califórnia ou Europa não será possível para as próximas férias que você não deve viajar. Veja se outro destino não é possível de encaixar na verba que você tem como América do Sul ou destinos nacionais.

Quanto mais viajamos, mais aprendemos sobre viagens e mais baratas elas vão ficando, não só sobre passagens aéreas baratas, mas sobre como encontrar hospedagem mais barata, macetes para passeios e todos os detalhes de uma viagem. Isso é importante, essa experiência nos dá bagagem para planejar viagens cada vez maiores e para lugares mais distantes, afinal, o mundo todo está aí a nossa disposição para ser apreciado.

  1. VOOS COM MAIOR DEMANDA SÃO MAIS BARATOS

Sempre que pensamos em como viajar mais barato é importante entender como funciona a parte comercial da aviação: quando mais demanda há para um destino, um voo com destino ao um determinado aeroporto, maiores são as chances de você conseguir passagens baratas, promoções e frequência de voos para que escolha a melhor opção para a sua viagem.

Assim, é possível deixar passagens aéreas baratas quando escolhemos aeroportos considerados HUBS de uma empresa aérea, do que quando optamos por outro menor, com menos procura e frequência de voos, por exemplo: se você vai para Califórnia e quer conhecer Palo Alto, cidade sede de grandes marcas de tecnologia, como Facebook e Apple. O detalhe é que Palo Alto não tem aeroporto, que dirá internacional, então você vai precisar escolher uma cidade próxima para desembarcar e depois chegar até lá de carro, por exemplo.

Para isso você tem 2 opções: a primeira é encontrar um voo bem próximo à cidade como São Paulo – San José, que é o aeroporto mais próximo de Paolo Alto e veja essa simulação de passagem para ida e volta em Ago/2016:


Como comprar passagens aéreas baratas para Califórnia

E a outra e mais inteligente é comprar uma passagem com destino à San Francisco, que é um aeroporto maior, com muito mais frequência de voos partidos de São Paulo e também razoavelmente próximo de Palo Alto. Veja a simulação neste caso:

Como comprar passagens aéreas baratas para San Francisco

Que tal a diferença? Entende como a busca por aeroportos com maior movimentação pode viabilizar sua viagem? Então aplique essa técnica e simule para suas próximas viagens!

  1. APLIQUE A TÉCNICA DO STPOOVER

O sonho de muitas pessoas é conhecer Califórnia e a Flórida, ou Flórida e New York, por exemplo, porém, como são estados diferentes e distantes temos sempre a impressão de que para isso é preciso gastar uma passagem aérea a mais, o que encarece a viagem, ou ter bastante tempo para ir de carro de um ponto ao outro, que não deixa de ser caro também. Mas já passou por sua cabeça que um voo comum, aquelas passagens aéreas baratas que você encontrou para as próximas férias, pode viabilizar isso com uma escala?

Porém, a boa notícia é que não! Muitas vezes podemos conhecer lugares diferentes, (e quando se fala de Europa, até um país diferente) gastando o mesmo valor de um destino único em passagens aéreas aplicando técnicas como o Stopover que torna tudo isso possível.

Como faz? Simples:  Normalmente, ao comprar passagens aéreas temos a opção de escolher voos com ou sem escala, certo? E em geral achamos mais vantagem ter um voo sem escala, afinal assim podemos economizar esse tempo, porém e se você puder conhecer aquele lugar de escala ficando por ali uns 4 dias, por exemplo, e depois seguir viagem para o seu destino final sem pagar nada a mais em passagens por isso?

É isso que vai te permitir a técnica de Stopover! Ao invés de fazer um voo São Paulo – Los Angeles, com escala de 6 horas em Atlanta, você pode usar essa escala esticando esse tempo para conhecer Atlanta e depois seguir viagem para Los Angeles. Basta que você:

  • Converse com a cia aérea antes de comprar a passagem, para ver as possibilidades de aplicar stopover no voo que você escolheu.
  • Ou que você compre esses trechos separados, sendo então 2 voos, como de fato seriam, (como se fosse um combo), sendo o primeiro São Paulo – Atlanta e depois de alguns dias você marca o voo Atlanta- Los Angeles e pronto, você tem um destino a mais no seu roteiro e normalmente isso não custa nada a mais para você.

Para saber mais sobre StopOver, veja ESTE POST.

  1. USAR MILHAS OU ACUMULAR MILHAS NAQUELE VOO

Sempre falo aqui no Blog e no canal do Youtube sobre MILHAS AÉREAS e das vantagens que elas nos oferecem, porém talvez você me pergunte sobre quando é vantagem usar as milhas e quando é melhor pagar a passagem aérea em dinheiro. E a regra é simples, veja só:

  • Como comprar passagens aéreas baratas para Miami com milhas aéreasPesquise sempre o valor da passagem que você quer em sites agregadores de passagens e nas companhias aéreas e depois no seu programa de fidelidade e veja os valores que você vai encontrar tanto em dinheiro como em Milhas;
  • Depois veja se o valor que foi cobrado em milhas é conveniente para você, se não está alto demais, por exemplo: São Paulo-Miami por até 60… 65.000 milhas (da e volta) chega a valer a pena usar milhas aéreas. Passando disso é melhor pagar em dinheiro e aproveitar essa viagem para acumular mais milhas.
  • Mas se o valor estiver em torno de 36.000 milhas ida e volta, como estava a pouco tempo pela TAM, neste caso não pense duas vezes, é melhor você aproveitar e viajar com milhas aéreas.

MILHAS-WORKSHOP-GRATUITO-250X250Sempre vale pesquisar e ponderar, ver onde há promoções, seja usando milhas e ganhando milhas e quando encontramos passagens aéreas baratas, pagando em dinheiro.

E para aprender dicas para acelerar o seu acúmulo de Milhas Aéreas e como funciona o mercado de Milhas, CLIQUE AQUI e Inscreva-se para Assistir ao workshop Gratuito “Como Viajar Quase de Graça”! São 4 vídeos com dicas do que fazer e do que NÃO fazer para turbinar seus pontos e viajar logo!

  1. QUANDO COMPRAR PASSAGENS AÉREAS BARATAS

Fala-se muito sobre o melhor dia e o melhor horário para compra de passagens aéreas baratas na Internet, há o mito da madrugada e até às terças-feiras às 15h00, que confesso que não descobri de onde surgiram essas ideias, mas a verdade é que isso não existe! O que há são épocas em que as companhias passam a soltar promoções como tem acontecido atualmente, onde empresas nacionais têm feito promoções às sextas-feiras e então te indico sempre pesquisar nestes dias, pois as chances de conseguir bons preços são grandes. Porém isso acontece hoje, mas não é um regras eterna, talvez daqui 3 meses isso não existe ou o dia da semana para encontrar promoções e passagens aéreas baratas, mude.

Sobre os horários e a madrugada, isso é lenda, até porque graças aos fusos horários do mundo todo, qualquer hora é manhã, tarde, noite e madrugada, então não faz a menor diferença…rs…

O que vale mesmo é monitorar as datas e voos que te interessam e estar de olho nas promoções que as empresas aéreas lançam, seja para pagamento em dinheiro ou em milhas aéreas.

  1. QUANDO VIAJAR PARA ECONOMIZAR

Já ouviu dizer que viajar na Alta Temporada é caro e que na baixa temporada é bem mais barato? Isso é verdade, afinal, na alta a procura é maior e por isso o preço sobe, já na baixa temporada a procura é menor e então o preço tende a cair e você vai encontrar passagens aéreas baratas.

Porém, além do preço da passagem é importante pensar se a baixa temporada daquele destino que você procura é interessante para o seu tipo de viagem e preferências pessoais, por exemplo:

  • Viajar na alta temporada Americana para a Califórnia, no mês de Julho, por exemplo, significa enfrentar um calor absurdo!! Você está disposto a isso?
  • Viajar na Alta temporada Americana para New York, no mês e Janeiro, significa encontrar temperaturas baixíssimas e grandes chances de nevasca. Você está preparado para isso? Terá roupas para enfrentar esse frio ou quer investir nesse tipo de vestuário?
  • Viajar em baixa temporada para a Rússia preços baixos e você preso num hotel por dias, com as avalanches de neves da Sibéria. É isso que você quer ou compensa pagar um pouco mais?

Então, antes de escolher a temporada é importante avaliar as condições climáticas do lugar em cada uma delas (Alta, média e baixa), as atrações do seu destino que te interessam e quando abrem, hospedagem e passeios e ver se é favorável para você comprar aquelas passagens aéreas baratas que você viu, ou se é melhor investir um pouquinho mais e ter melhor custo benefício.

  1. ANTECEDÊNCIA DA COMPRA PARA PASSAGENS AÉREAS BARATAS:

Outro mito que talvez você conheça é sobre a antecedência da compra de passagens aéreas baratas: “quando antes comprar mais barato será”, já ouviu sobre isso? Essa é outra lenda, pois a regra não é assim tão simples, embora exista 2 segredos para você aplicar e economizar em passagens aéreas:

  • Para viagens nacionais procure comprar com 30 dias de antecedência, na grande maioria das vezes esse é o prazo com o melhor preço para sua passagem aérea nacional.
  • Para viagens internacionais pesquise e compre passagens com 60 dias de antecedência para baixa temporada e 90 dias para alta temporada, independente do destino.

8. COMO APRENDER MAIS SOBRE PASSAGENS AÉREAS BARATAS

Como comprar passagens aéreas baratas com Rafael Incao, do Fórmula de PassagensSe você gostou das dicas que eu te dei até aqui, saiba que é apenas a ponta do iceberg e que você pode aprender MUITO mais sobre como ter sempre passagens aéreas baratas e melhor do que isso: com o melhor custo benefócio, se aprender as técnicas da Fórmula de Passagens! Por isso te convido a CLICAR AQUI e conhecer mais sobre passagens aéreas, como economizar em passagens e viajar mais com um grande especialista em Passagens Aéreas que é o meu amigo Rafael Incao! Acho que te indicar esse link que te leva a um mini curso com muitas dicas Passagens Aéreas de qualidade dadas pelo Rafael é a melhor dica que eu posso te dar, então CLICA AQUI, se inscreva e participe, você só tem a ganhar, afinal é online e gratuito. Ah, mas fique espeto, esse curso do Rafael ficará no ar por poucos dias

Comente abaixo e compartilhe nas suas redes sociais.

See ya!,
Fê Rabaglio

Sobre FêRabaglio

Designer gráfico, autora do Blog Vou Pra California e Guia Para Orlando, apaixonada por Las Vegas, California e Orlando, minha história com este universo começou logo após o término na universidade, quando decidi passar um tempo na California fazendo Intercâmbio! Queria conhecer a terra do cinema e das palmeiras, estudar inglês, mas de uma forma mais econômica do que os tradicionais intercâmbios. Foi aí que minha jornada começou, que me apaixonei por este tema e logo dei início ao Blog que hoje ajuda tantas pessoas a encontrarem suas trilhas com destino na California!

3 Comentários

  1. Marcos Araujo

    Olá,

    Parabéns pela matéria.

    Gostaria de saber se o atributo do Stopover, també se aplica aos destinos nacionais?

    Obrigado,

    Responder
  2. Philipe

    Saiu uma pesquisa agora e diz que o melhor dia pra viajar é terça-feira já que as passagens são mais baratas nesse dia…

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>