Ah, a minha casa em Los Angeles!

Tempo de leitura: 3 minutos

Como eu disse no outro post, quando fui pela primeira vez pra California, optei por morar em uma casa e sequer reservei hotel. Tratava-se uma república de estudantes e ao mesmo tempo Casa de Família, que vão à California estudar inglês.

Na verdade, eram duas casas, uma em cima da outra, com entradas independentes, sendo que na de cima residiam apenas rapazes e na debaixo, moças, naquela ocasião, eu e outra brasileira, além da dona da casa, uma black womam divertidíssima, muito gente boa mesmo de quem tenho saudades, grande pequena Cheryl!

Lá cada um tem seu quarto e as áreas comuns da casa eram divididas por todos, como cozinha, sala de estar, backyard, laundry etc.

A Fachada da casa é esta! Minha casa cor de rosa!rs

Muito bem localizada, perto de mercado, farmácia, McDonalds, ponto de ônibus em frente, próxima à Calçada da Fama e de grandes avenidas! Ah, e a escola de inglês era na mesma rua! lol

Meu quarto lá! Adorava! Uma cama muito confortável, um super espelho, além de uma escrivaninha para eu estudar e trabalhar do lado que não mostra na foto…hehehe

Nós riamos muito lá… Sem contar as montagens de malas, planos de pequenas viagens, embrulho de muambas… Haja Victoria’s Secrets! ;P

Esta é a cozinha, super bem equipada e funcional! Eu, pessoalmente, preferia cozinhar, ao invés de comer fora ou lanches. Os Estados Unidos tem este problema, a gastronomia lá deixa um pouco a desejar…lol

Nossa sala: digamos que tinha informação DEMAIS! A Cheryl colocava de tudo lá… Mas eu gostava e sempre adorei aquela lareira ali do lado, embora eu nunca a tenha visto ascender, (também não fez frio para isso, era outono quando eu estava lá…lol).

E a sala de jantar, onde rolavam várias conversas com os outros moradores das duas casas, além da Cheryl e visitas. Também aqui foi meu primeiro jantar de Thanksgiving, que inclusive, #ficadica: caso possa passar um Thanksgiving nos Estados Unidos, (a saber: última quinta-feira do mês de novembro), certamente será uma boa experiência, é uma forma de entender um pouco dos valores e crenças deste povo!

E o backyard, onde secávamos roupas que não ia na secadora e, as vezes, eu estudava e trabalhava, para variar o ambiente e sair um pouco do quarto.

Esta era a casa onde eu morava. Mas existem várias casas neste esquema e vale a pena. Não fica caro e você tem mais liberdade do que em um hotel! 😉

Esta casa infelizmente não recebe mais estudantes, pois mudou de dono como eu conto NESTE VÍDEO. Mas no meu Passo a Passo: Intercâmbio na Califórnia 2.0 eu oriento como conseguir acomodação bacana como a minha e economizar não só em moradia, mas também em escola, dicas de alimentação, transporte passagens áreas, visto, seguros, trabalho, enfim, TUDO BEM COMPLETO para te guiar no seu planejamento e ter muita economia no seu Intercâmbio na Califórnia!

Se você ainda não conhece o Passo a  Passo, CLIQUE AQUI e assista ao vídeo de apresentação! 😉

Dúvidas? Comente abaixo!

See ya!

Sobre FêRabaglio

Designer gráfico, autora do Blog Vou Pra California e Guia Para Orlando, apaixonada por Las Vegas, California e Orlando, minha história com este universo começou logo após o término na universidade, quando decidi passar um tempo na California fazendo Intercâmbio! Queria conhecer a terra do cinema e das palmeiras, estudar inglês, mas de uma forma mais econômica do que os tradicionais intercâmbios. Foi aí que minha jornada começou, que me apaixonei por este tema e logo dei início ao Blog que hoje ajuda tantas pessoas a encontrarem suas trilhas com destino na California!

7 Comentários


    1. Olá!! Não, a escola não dá qualquer referência de casa, pois quem estuda lá, teoricamente é porque mudou-se pra lá mesmo, e não por fazer intercâmbio, por exemplo. Eu achei a república quando encontrei a Karisa, numa comunidade do Orkut. Na casa tinha quarto vago, ela me indicou para a Cheryl e negociamos na semana em que eu estava indo pra lá. Mas hoje a casa nem é mais da Cheryl, ela mudou-se da California, e a casa é residencia de família americana, não tem mais nada a ver com o objetivo da época…

      Responder

    2. Olá! Não, eu consegui por uma amiga que já estava na casa. Desculpe, não passo contatos, até porque a casa já não é mais alugada assim, hoje mora uma família lá… See ya!

      Responder

    1. Oi, Luiza! Tudo bem?
      Para responder essa pergunta eu precisei de um capítulo todo no e-book “Passo a Passo: Intercâmbio na Califórnia 2.0” + um vídeo explicativo da parte mais burocrática da coisa!rs
      Isso porque casa é algo que você precisa prestar atenção em muitos detalhes para que de fato você tenha uma boa experiência no seu Intercâmbio e para isso eu tenho várias indicações e dicas a dar.
      Porém, o material é longo e não poderia te explicar aqui, em um comentário. Mas te convido a CLICAR AQUI e conhecer o “Passo a Passo: Intercâmbio na Califórnia 2.0“! Neste material eu te explico, passo a passo, todos os detalhes que você precisa escolher e providenciar para ter uma viagem e um intercâmbio econômico, seguro e de qualidade sem precisar gastar atoa com propostas tradicionais.
      Clica NESTE LINK e conheça o material, acho que você vale a pena! Muitas pessoas já estão seguindo esse passo a passo e já estão lá na California vivendo essa experiência incrível e adorando! 😉
      Qualquer dúvida, me escreva, ok?
      See ya

      Responder

  1. Olá, Angélica!
    Bom, a minha casa aluga de forma exclusiva para alunos Kaplan, não aceitava outro intercambista. Eu só consegui porque a menina que me indicou era da Kaplan. E muitas são assim, mas sim, há como conseguir acomodação por lá sem ser hotel. Conto tudo sobre isso no capítulo sobre moradia e acomodação do e-Book de Intercâmbio que comentei contigo lá no Facebook. O texto está pronto, estou diagramando ele e logo começa a divulgação! 😉
    See ya!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>